O conto é uma obra de ficção que cria um universo de seres, de fantasia ou acontecimentos. Como todos os textos de ficção, o conto apresenta um narrador, personagens, ponto de vista e enredo. Classicamente, diz-se que o conto se define pela sua pequena extensão. Mais curto que a novela ou o romance, o conto tem uma estrutura fechada, desenvolve uma história e tem apenas um clímax. Num romance, a trama desdobra-se em conflitos secundários, o que não acontece com o conto.


favoritar
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Contos tradicionais, fábulas, lendas e mitos
Ministério da Educação
favoritar
<font size=+0.1 >Cronica do Onibus</font>
Cronica do Onibus
Marco Aurelio Bicalho de Abreu Chagas
favoritar
Nunca te Vi Sempre te amei
Nunca te Vi Sempre te amei
Katiuscia de Sá
favoritar
<font size=+0.1 >Contos Gauchescos</font>
Contos Gauchescos
Simões Lopes Neto
favoritar
A bico de pena: fantasias, contos e ferfis (coleção revive ...
A bico de pena: fantasias, contos e ferfis (coleção revive ...
Coelho Netto
favoritar
Rosas com espinhos (contos)
Rosas com espinhos (contos)
Rilvan Batista de Santana
favoritar
<font size=+0.1 >Contos para Velhos</font>
Contos para Velhos
Olavo Bilac
favoritar
Apologos: contos para criança
Apologos: contos para criança
Coelho Netto
favoritar
Atir: cartas, contos e crônicas
Atir: cartas, contos e crônicas
Rilvan Batista de Santana
favoritar
Marginalidade, violência e testemunho nos contos de Marcel ...
Marginalidade, violência e testemunho nos contos de Marcel ...
Flávia Heloísa Unbehaum Ferraz
favoritar
<font size=+0.1 >Breves Contos 1</font>
Breves Contos 1
Voltaire
favoritar
<font size=+0.1 >Breves Contos 3</font>
Breves Contos 3
Voltaire
favoritar
<font size=+0.1 >Um para o outro, 1879</font>
Um para o outro, 1879
Machado de Assis
favoritar
O país das quimeras, 1862
O país das quimeras, 1862
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Letra vencida, 1882</font>
Letra vencida, 1882
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O programa, 1883</font>
O programa, 1883
Machado de Assis
favoritar
A idéia do Ezequiel Maia, 1883
A idéia do Ezequiel Maia, 1883
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Médico é remédio, 1883</font>
Médico é remédio, 1883
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O destinado, 1883</font>
O destinado, 1883
Machado de Assis
favoritar
Questões de maridos, 1883
Questões de maridos, 1883
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Três conseqüências, 1883</font>
Três conseqüências, 1883
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Cantiga velha, 1883</font>
Cantiga velha, 1883
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Trina e una, 1884</font>
Trina e una, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O contrato, 1884</font>
O contrato, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O melhor remédio, 1884</font>
O melhor remédio, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Nem uma nem outra, 1873</font>
Nem uma nem outra, 1873
Machado de Assis
favoritar
Quem conta um conto... , 1873
Quem conta um conto... , 1873
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Tempo de crise, 1873</font>
Tempo de crise, 1873
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Um dia de entrudo, 1874</font>
Um dia de entrudo, 1874
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Valério, 1874</font>
Valério, 1874
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Antes que cases, 1875</font>
Antes que cases, 1875
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Onze anos depois, 1875</font>
Onze anos depois, 1875
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O sainete, 1875</font>
O sainete, 1875
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Casa, não casa, 1875</font>
Casa, não casa, 1875
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O astrólogo,  1876</font>
O astrólogo, 1876
Machado de Assis
favoritar
O passado, o passado,  1876
O passado, o passado, 1876
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Sem olhos, 1876</font>
Sem olhos, 1876
Machado de Assis
favoritar
História de uma fita azul, 1876
História de uma fita azul, 1876
Machado de Assis
favoritar
Decadência de dois grandes homens, 1873
Decadência de dois grandes homens, 1873
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Um homem superior, 1873</font>
Um homem superior, 1873
Machado de Assis
favoritar
Vinte anos! Vinte anos!, 1884
Vinte anos! Vinte anos!, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >O caso do Romualdo, 1884</font>
O caso do Romualdo, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Uma carta, 1884</font>
Uma carta, 1884
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Habilidoso, 1885</font>
Habilidoso, 1885
Machado de Assis
favoritar
Viagem à roda de mim mesmo, 1885
Viagem à roda de mim mesmo, 1885
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Pobre Cardeal!, 1886</font>
Pobre Cardeal!, 1886
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >Identidade, 1887</font>
Identidade, 1887
Machado de Assis
favoritar
<font size=+0.1 >D. Jucunda, 1889</font>
D. Jucunda, 1889
Machado de Assis